Duas curtas portuguesas competem pelo European Film Award

22/10/2019
CÃES QUE LADRAM AOS PÁSSAROS, de Leonor Teles, e LES EXTRAORDINAIRES MÉSAVENTURES DE LA JEUNE FILLE DE PIERRE, de Gabriel Abrantes, integram a short-list dos cinco filmes nomeados para os European Film Awards, da European Film Academy (EFA), na categoria de curta-metragem.
Os restantes nomeados deste ano são REKONSTRUKCE (RECONSTRUCTION), de Jiří Havlíček e Ondřej Novák (República Checa), CADOUL DE CRĂCIUN (THE CHRISTMAS GIFT), de Bogdan Mureşanu (Roménia/Espanha), e SUC DE SÍNDRIA (WATERMELON JUICE), de Irene Moray (Espanha).

Os cinco nomeados para o prémio de Melhor Curta-metragem Europeia são selecionados a partir de uma lista de 19 candidatos indicados pelos júris internacionais de diversos festivais de cinema europeus. Ao longo do ano, os júris internacionais de 19 festivais de cinema europeus selecionam, entre as curtas-metragens europeias em competição nos respetivos festivais, um filme candidato aos European Film Awards. Com base nesta primeira seleção, os referidos festivais apuram a lista final dos cinco candidatos ao prémio.

A curta de Gabriel Abrantes foi indicada para este prémio pelo festival português Curtas Vila do Conde e o Festival Internacional de Cinema de Veneza selecionou o filme de Leonor Teles.

Os cinco filmes nomeados serão agora submetidos a votação pelos mais de 3600 membros da European Film Academy (EFA), que irão selecionar o vencedor, a anunciar na cerimónia dos European Film Awards, a 7 de dezembro, em Berlim.

Saiba mais no sítio dos European Film Awards.