Curta portuguesa distinguida em Cannes

27/05/2024
O realizador português Daniel Soares recebeu uma menção especial no Festival de Cinema de Cannes, por "Bad for a moment", que integrava a competição oficial.

O filme de Daniel Soares, "Bad for a moment", uma produção da O Som e a Fúria com a produtora Kid With a Bike teve a sua estreia mundial no Festival de Cannes, onde disputava a Palma de Ouro e foi agraciado com uma menção especial.

"Bad for a moment " conta a história de evento de team-building que corre mal e obriga o dono de um atelier de arquitetura a encarar a realidade do bairro popular que a sua empresa está a gentrificar.

O elenco integra João Villas Boas, Ana Vilaça, Isac Graça, Cláudia Jardim, João Patrício, entre outros.

Daniel Soares é um argumentista, realizador e fotógrafo português, nascido na Alemanha.

"O Que Resta” (2021), a sua primeira curta-metragem narrativa, foi exibida no Festival Internacional de Telluride, em Clermont-Ferrand e no Festival Internacional de Hong Kong. O filme ganhou o Grande Prémio do Festival Premiers Plans em Angers e o prémio de melhor curta-metragem nacional do IndieLisboa.

Em 2022, participou na Locarno Spring Academy, onde realizou a sua segunda curta de ficção "Please Make It Work”(2022), a qual estreou no Festival de Locarno e teve a sua estreia internacional na Competição Labo de Clermont-Ferrand. Entre outros, ganhou o prémio para melhor curta internacional no Festival Internacional de Zagreb.

O seu terceiro filme, que contou com o apoio do ICA, Europa Criativa Programa Media, GDA, MovieBlock, acaba de ser distinguido com esta menção especial na 77ª edição do Festival de Cannes.