VENCEDORES DO DOCLISBOA FAZEM DOCUMENTÁRIO SOBRE A COMUNIDADE CHINESA EM PORTUGAL

25/02/2016
Os realizadores de Rio Corgo, o filme vencedor da competição portuguesa do DocLisboa 2015 e exibido no recente Festival de Berlim, preparam um novo documentário que visa mostrar a desconhecida realidade da comunidade chinesa em Portugal.

"Queremos fazer um retrato da comunidade chinesa no Martim Moniz, em Lisboa, e o projeto surgiu porque encontrámos lá uma chinesa albina, que nos apareceu como um raio de luz. Seguimo-la e ela aceitou participar”, diz Maya Kosa que, em conjunto com Sérgio da Costa, realiza o documentário.

São eles que dizem ainda que o filme terá duas dimensões, porque para além do foco numa personalidade muito especifica, pretende abordar "a exploração económica dos chineses em Portugal”, desmistificando esta realidade ainda tão desconhecida.

Não é a primeira vez que os realizadores fazem um filme a partir de uma situação espontânea: já em "Rio Corgo”, que acompanha a caminhada de Silva, um forasteiro excêntrico que deambula de aldeia em aldeia de trouxa ao ombro, o guião foi sofrendo alterações constantes à medida que foram conhecendo os protagonistas, conferindo um carácter mais orgânico ao filme.