Programa Curtas Vila do Conde com mais de 200 filmes

27/06/2018
A organização do Curtas Vila do Conde – Festival Internacional de Cinema já anunciou o programa completo da sua 26ª edição, que decorre entre 14 e 22 de julho de 2018. Do total de mais de 200 filmes, de 40 países, que compõem o programa oficial, foram selecionadas para a Competição Nacional 17 obras produzidas em 2017 e 2018.
Segundo comunicado do festival, os 17 filmes selecionados para a Competição Nacional são: 3 ANOS DEPOIS, de Marco Amaral; À TONA, de Filipe Abranches; AGOURO, de David Doutel e Vasco Sá; ÁGUA FORTE, de Mónica Baptista; ANTEU, de João Vladimiro; AQUAPARQUE, de Ana Moreira; DECLIVE, de Eduardo Brito; ENTRE SOMBRAS, de Alice Eça Guimarães e Mónica Santos; EQUINÓCIO, de Ivo M. Ferreira; MADNESS, de João Viana; NEVOEIRO, de Daniel Veloso; ONDE O VERÃO VAI (EPISÓDIOS DA JUVENTUDE), de David Pinheiro Vicente; PAS DE CONFETTIS, de Bruno Ferreira; PIXEL FRIO, de Rodrigo Areias; PLACENTA, de Paulo Lima; SARA F., de Miguel Fonseca e SHEILA, de Gonçalo Loureiro.

Na Competição Internacional vão estar trinta e uma curtas-metragens, entre as quais se contam os trabalhos de cineastas como Ben Rivers e Ben Russell, Bertrand Mandico, Helena Girón e Samuel M. Delgado e João Paulo Miranda Maria.

No programa das secções competitivas incluem-se, ainda, a Competição Experimental, que conta com 17 filmes, a Competição de Vídeos Musicais, dedicada à relação entre música e cinema, e a Competição Take One!, que integra filmes de escola e que este ano foi alargada a mais seis países europeus, além de Portugal.

De destacar, igualmente, a programação especial do Curtinhas, que além da secção competitiva dividida em três faixas etárias (M/3, M/6 e M/10), inclui ainda vários workshops e outras atividades didáticas dedicadas aos mais pequenos.

Em paralelo, estará a decorrer na Solar Galeria de Arte Cinemática a exposição New Spain, comissariada por José Manuel Lopez, curador espanhol, e Nuno Rodrigues, codiretor do festival e coordenador da galeria, e onde será possível ver instalações site-specific de Sete artistas/cineastas espanhóis – Carla Andrade, Inés García, Laida Lertxundi, Lois Patiño, Natalia Marín e Helena Girón e Samuel M. Delgado .

O Festival apresenta ainda a sessão especial Produções Curtas que integra os filmes RIO ENTRE AS MONTANHAS, de José Magro, produzido no âmbito do 72 Hour Film Project, do festival Hancheng Jinzhen; CIRCO DO AMOR, de Miguel Clara Vasconcelos, produzido com apoio do ICA – Instituto do Cinema e Audiovisual para curtas-metragens de ficção, e NÁUFRAGOS, de Pedro Neves, produzido no âmbito dos workshops da Animar 13.

DIAMANTINO, de Daniel Schmidt e Gabriel Abrantes, foi o filme escolhido para a abertura do Festival e da secção Da Curta à Longa, que inclui também os filmes LE MONDE EST À TOI, de Romain Gavras, THE GREEN FOG, de Guy Maddin, Evan Johnson e Galen Johnson, e ainda UN COUTEAU DANS LE COEUR, de Yann Gonzalez

O 26º Curtas Vila do Conde decorre entre 14 e 22 de julho, e conta com o apoio do programa MEDIA/Europa Criativa, da Câmara Municipal de Vila do Conde, do Ministério da Cultura, do Instituto do Cinema e Audiovisual, entre outros.

Consulte aqui a programação completa das secções competitivas do festival.