OS GRANDES VENCEDORES DO CAMINHOS FILM FESTIVAL

28/11/2016
‘Zeus’ de Paulo Filipe Monteiro e ‘Cartas da Guerra’ de Ivo M. Ferreira foram os mais premiados desta edição. "Chatear-me-ia Morrer tão Joveeeeem..." de Filipe Abranches foi o grande vencedor.

Decorreu no passado sábado, dia 26, a cerimónia oficial de entrega de prémios da 22ª edição do Festival Caminhos do Cinema Português, que se realizou entre 19 e 26 de novembro.

Na principal secção do festival, a Selecção Caminhos, o júri decidiu por unanimidade que O Grande Prémio do Festival Portugal Sou Eu seria atribuído a "Chatear-me-ia Morrer tão Joveeeeem…”, de Filipe Abranches, sendo a primeira vez que uma curta-metragem de animação é a grande vencedora do festival.

"Cartas da Guerra”, de Ivo M. Ferreira, foi distinguido com os prémios de Melhor Longa-Metragem, Melhor Argumento Adaptado para Ivo Ferreira e Edgar Medina, Melhor Som para Tiago Matos e Ricardo Leal, Melhor Fotografia para João Ribeiro e Melhor Montagem para Tiago Matos.

O filme "Zeus”, de Paulo Filipe Monteiro, ganhou os prémios de Melhor Ator para Sinde Filipe, Melhor Ator Secundário para Miguel Cunha, Melhor Caraterização para Sara Menitra e ainda de Melhor Guarda-Roupa para Sílvia Grabowski.

Conheça todos os premiados no site do Festival.