OS GATOS NÃO TÊM VERTIGENS EM DESTAQUE NOS PRÉMIOS ÁQUILA

11/12/2015
Realizou-se ontem a 2ª cerimónia anual da televisão e do cinema português. Os Gatos Não Têm Vertigens foi galardoado em 4 categorias.

Foi no auditório da Fundação Calouste Gulbenkian que decorreu a gala dos Prémios Áquila, evento que premeia a produção audiovisual em Portugal.  No que diz respeito aos prémios de cinema, "Os Gatos Não Têm Vertigens”, de António-Pedro Vasconcelos, foi distinguido com os galardões de Melhor Filme, Melhor Realizador, Melhor Argumento (Tiago Santos) e Melhor Atriz Secundária (Fernanda Serrano).

Pelos seus desempenhos em "O Pátio das Cantigas”, Miguel Guilherme e José Pedro Vasconcelos venceram os prémios de Melhor Ator Principal e Melhor Ator Secundário, respetivamente. Crista Alfaiate foi considerada a Melhor Atriz Principal, depois da sua participação em "As Mil e Uma Noites: Volume 1, O Inquieto”.

Quanto aos prémios de televisão, "A Única Mulher” foi a grande vencedora da noite. Não só foi distinguida como a Melhor Telenovela, como também foi galardoada com os prémios de Melhor Atriz Principal (Alexandra Lencastre), Melhor Atriz Secundária (Mina Andala) e Melhor Ator Secundário (Paulo Pires). João Reis venceu a estatueta para Melhor Ator Principal, pela sua prestação em "Coração d’Ouro”.

Os Prémios Áquila são organizados pela Fénix Associação Cinematográfica. A entrega dos prémios é feita com base numa votação online realizada na página oficial do evento