MONSTRA já tem vencedores

27/03/2017
Entrega de prémios da 16ª edição da MONSTRA aconteceu a 25 de março, no cinema São Jorge, em Lisboa.
O Grande Prémio MONSTRA foi entregue a A MINHA VINHA DE COURGETTE, de Claude Barras.

Na categoria Competição Portuguesa – SPAUTORES/VASCO GRANJA, o prémio de melhor filme foi para É PRECISO QUE EU DIMINUA, de Pedro Serrazina, com menções honrosas para CHATEAR-ME-IA MORRER TÃO JOVEEEEEM…, de Filipe Abranches e ÚLTIMA CHAMADA, de Sara Barbas, que arrecadou ainda o Prémio do Público.

A curta-metragem de Filipe Abrantes, CHATEAR-ME-IA MORRER TÃO JOVEEEEEM…, foi ainda distinguida com o prémio de Melhor Curta Portuguesa, na Competição Curtas. O Grande Prémio nesta categoria foi para PERIFERIA, de David Coquard-Dassault.

Consulte aqui o Palmarés MONSTRA 2017.