INDIELISBOA — 8 FILMES PORTUGUESES PREMIADOS

02/05/2016
Oito obras portuguesas saíram premiadas do IndieLisboa, decorrido de 20 de abril a 1 de maio.
Foram anunciados, no passado dia 1 de maio, os filmes premiados no IndieLisboa. Das 289 obras exibidas, 40 eram portuguesas, das quais oito saíram premiadas das competições em que participaram.

COMPETIÇÃO NACIONAL

Prémio Allianz – Ingreme para Melhor Longa Metragem Portuguesa

Treblinka | Realização: Sérgio Tréfaut | Produção: FAUX

Nescafé Dolce Gusto – Ingreme para Melhor Curta Metragem Portuguesa

The Hunchback | Realização: Gabriel Abrantes, Ben Rivers | Produção: A Mutual 

Respect & Galeria Zé dos Bois

Prémio Novo Talento Fnac – Curta Metragem

Campo de Víboras | Realização: Cristèle Alves Meira | Produção: Ukbar Filmes

Menção Honrosa

Viktoria | Realização: Mónica Lima | Produção: Deutsche Film- und Fernsehakademie

Prémio FCSH/NOVA para Melhor Filme na secção Novíssimos

Maxamba | Realização e Produção: Suzanne Barnard, Sofia Borges

Júri da Competição Nacional: Johanna Caraire | Julien Rejl | Pierre da Silva

PRÉMIO ÁRVORE DA VIDA

Prémio Árvore da Vida para Filme Português

Ascensão | Realização: Pedro Peralta | Produção: Terratreme Filmes

Menção Honrosa

Jean-Claude | Realização e Produção: Jorge Vaz Gomes

Júri Árvore da Vida: Inês Gil | João Alves da Cunha | Rui Martins

PRÉMIO AMNISTIA INTERNACIONAL

Menção Honrosa

Balada de Um Batráquio | Realização: Leonor Teles | Produção: Uma Pedra no Sapato

Júri Amnistia Internacional: Paulo Pinto | Susana Arrais | Tiago Carrasco