António-Pedro Vasconcelos em retrospetiva na Cinemateca

14/06/2018
Começa hoje, e prolonga-se até ao próximo mês de julho, a retrospetiva integral que a Cinemateca Portuguesa dedica ao trabalho do cineasta português António-Pedro Vasconcelos.
PERDIDO POR CEM…, filme de 1972 e primeira longa-metragem do realizador, vai fazer as honras de abertura da retrospetiva, hoje às 21h30, na sala M. Félix Ribeiro.

Na próxima quarta-feira, 20 de junho, António-Pedro Vasconcelos estará presente na Cinemateca, para um encontro com o público para falar sobre a sua obra desde o final dos anos 1960 até aos dias de hoje.

O encontro de dia 20 realiza-se na Sala M. Félix Ribeiro às 18h30 e tem entrada livre, mediante o levantamento de ingressos na Bilheteira.

Além deste encontro, onde falará de todo o seu percurso, o cineasta estará na Cinemateca ao longo de toda a primeira parte da retrospetiva (entre 14 e 30 de junho) a acompanhar todas as sessões, apresentando filmes e debatendo com o público.

O programa completo da retrospetiva pode ser consultado aqui.