25º CURTAS VILA DO CONDE – PROGRAMA DO FESTIVAL

27/06/2017
43 obras portuguesas em competição no Curtas Vila do Conde.

A organização do Curtas Vila do Conde anunciou, no passado dia 22 de junho, as obras que competem nas várias secções do festival.

Este festival de cinema é reconhecido pela sua programação destacadamente eclética. Só no segmento competitivo, o festival conta com seis diferentes categorias.

No total, 43 obras ou co-produções portuguesas participam em cinco categorias competitivas, nomeadamente: Competição Internacional, Competição Experimental (exclusiva para obras de vanguarda), Take One! (categoria dedicada aos novos cineastas e respetivas escolas), Competição Vídeos Musicais e Competição Nacional.

As obras ou co-produções portuguesas que integram a competição do festival são:

COMPETIÇÃO INTERNACIONAL

TERRAIN VAGUE, de Latifa Said (França/Portugal).

COMPETIÇÃO EXPERIMENTAL

LAURA, de Tânia Dinis; LOUPS WOLVES, de Miguel Ildefonso.

TAKE ONE!

CIGARRO AZUL, de Ricardo Vieira Lisboa; DE GENTE SE FEZ HISTÓRIA, de Inês Pinto Vila Cova;
DE MADRUGADA, de Inês de Lima Torres;
DELPHINE APRISIONADA, de Ricardo Pinto de Magalhães;
ENTROPIA, de Pedro Antunes e Valentina Rodrigues;
FROM VINCENT'S HOUSE IN THE BORINAGE, de José Fernandes (Portugal/Bélgica);
ICO, de Patricia Vidal Delgado (Portugal/EUA);
ISTO NÃO É UMA OLIVEIRA, de Carlos Alberto Castanho Arteiro (Espanha/Portugal);
LENTA COMBUSTÃO, de Joana Carneiro Reis;
REGISTO DE NASCIMENTO, de Matilde Calado;
SENDAS, de Raquel Felgueiras.

VÍDEOS MUSICAIS

A MUSA – MAZE, de Rui Pedro Magalhães de Almeida;
ABOVE THE WALL – YOU CAN'T WIN, Charlie Brown, de Tomás Sousa;
MT. ORCHID – BEARBUG, de Luís Costa e Miguel da Santa;
BIG FISH – THE GIFT, de Duda de Almeida e Paulo Costa Pinto (Brasil/Portugal);
CAGA NELA – PZ, de Alexandre Azinheira;
GREATEST HITS - WHITE HAUS, de Vasco Mendes;
JÚPITER - FILHO DA MÃE, de Miguel Filgueiras;
KITE - NADIA SCHILLING, de João Pombeiro;
LOVE LOVE LOVE – MOULLINEX, de Bruno Ferreira;
OLD HABITS – MINTA & THE BROOK TROUT, de João Nicolau;
SETE – NOISERV, de Gustavo Sá e Sílvio Rocha;
SKATEBARDING – XINOBI, de Lydie Barbara;
SO LONG – MARTA REN & THE GROOVELVETS, de Marco Oliveira.

COMPETIÇÃO NACIONAL

ÁGUA MOLE, de Laura Gonçalves e Alexandra "Xá” Ramires;
ALTAS CIDADES DE OSSADAS, de João Salaviza;
CEDRIM, de Diogo Vale;
COELHO MAU, de Carlos Conceição;
COUP DE GRÂCE, de Salomé Lamas;
DAS GAVETAS NASCEM SONS, de Vítor Hugo;
FARPÕES BALDIOS, de Marta Mateus;
LONGE DA AMAZÓNIA, de Francisco Carvalho;
O HOMEM ETERNO, de Luís Costa;
OS HUMORES ARTIFICIAIS, de Gabriel Abrantes (Portugal/Brasil);
OÙ EN ÊTES-VOUS, JOÃO PEDRO RODRIGUES?, de João Pedro Rodrigues (Portugal/França);
SOLTAR, de Jenna Hasse (Suíça);
A SONOLENTA, de Marta Monteiro;
SURPRESA, de Paulo Patrício;
THURSDAY NIGHT, de Gonçalo Almeida;
VERÃO SATURNO, de Mónica Lima (Alemanha/Portugal).

Mantenha-se a par das novidades do festival no website oficial e na página de Facebook do evento.